segunda-feira, 16 de janeiro de 2017

Depois que o tempo mudou...

Agora que eu vim ver
Depois que o tempo passou
O defeito dessa peça
Quebrada desse motor
Sem ter nenhum desempenho
Por isso que aqui eu venho
Dizer que tudo mudou

Sei que tudo vem mudando
Vem mudando pra pior
A guerra das facções
Degola uns, sem ter dó
Outros morrem no quebra pau
Os vivos, vem pra federal  
O presídio de Mossoró

Segurança não há mais
A gente é trancafiado
E o ladrão solto nas ruas
Muito bem municiado
Como dizia papai
Do jeito que a coisa vai
Está tudo desmantelado

Tanto que eu tenho rezado
Pra Jesus nosso senhor
Pedindo saúde e paz
Aqui e no exterior
Mas só vejo gente ruim
Do começo ate o fim
Depois que o tempo mudou

Pra mim, só Jesus na causa!
"Eles" não resolvem nada
No mundo tem fome e guerra
Droga e morte na calçada
Depois que o tempo mudou
Só Jesus nosso senhor
Pra acabar com a cachorrada

(Lalauzinho de Lalau)

sexta-feira, 13 de janeiro de 2017

Hoje é sexta feira 13...

Resultado de imagem para sexta feira treze

Hoje é sexta feira 13
Hoje é o dia azar
Tem gente que acredita
Passa pra lá e pra cá
Nunca debaixo da escada 
Medo de alma penada
Pra o bicho não lhe pegar

Gato preto nem pensar
Parece ate brincadeira
Vela numa encruzilhada
É meter o pé na carreira
Tem gente que acredita
Em qualquer cena esquisita
Porque hoje é sexta feira

Hoje é sexta feira treze
Cuidado o Zé do Caixão
Não fique andando de costas
Pra não ter pertubação
Olhe a chinela emborcada
Se benza meu camarada!
Cuidado a superstição

(Lalauzinho de Lalau)

quinta-feira, 12 de janeiro de 2017

Acre deve transferir 15 detentos para o presídio federal de Mossoró...

Resultado de imagem para presídio federal de mossoró

Só aparece essas coisas
Que vem pra tumultuar
Já basta nossa cidade
Com a violência que ta
Tiro do começo ao fim
Tudo o que é coisa ruim
Só vem pro lado de cá

Quinze beldades chegando
Trás a família também!
Ou vem um correspondente
Mandado não sei por quem
Já basta os que tem aqui
Os que tão solto por aí
Se eu for contar, mais de cem!

Prefiro ficar calado
Com essa crise prisional
O problema é muito grave
É mais do que social
E o ladrão pulando o muro
Um presente sem futuro
Foi o presídio federal

(Lalauzinho de Lalau) 

quarta-feira, 11 de janeiro de 2017

Bernardinho deixa o vôlei...

Resultado de imagem para bernardinho deixa o volei

Só após 16 anos
Foi marcado o seu destino
Deu adeus a seleção
Que tanto ouviu nosso hino
Seis medalhas conquistou
Bernardinho já deixou
O nosso vôlei masculino

Foi exatamente em casa
Que tomou a decisão
Deixando a história do vôlei
Tantas vezes campeão
Bernardinho decidiu
Deixa o vôlei do Brasil
Dando adeus a seleção

(Lalauzinho de Lalau)

terça-feira, 10 de janeiro de 2017

Crise carcerária...

Resultado de imagem para crise carcerária

Esse massacre em Manaus
Que muita gente assistiu
56 presos mortos
Cada facção agiu
Nessa ação tão arbitrária
Essa é a crise carcerária
Que atormenta o meu Brasil

O diretor do presídio
Já está exonerado
Após o grande massacre
Tudo é investigado
Dizem que a direção
Recebia da facção
Tudo era bem planejado

Drogas dentro dos presídios
Celulares, mais de cem
Armas e carregadores
Trazidos não sei por quem
Churrasco, festança e ceia
Tudo entra na cadeia
No meu Brasil tudo tem

(Lalauzinho de Lalau)  

sexta-feira, 6 de janeiro de 2017

Enquanto existir repente...

Resultado de imagem para lalauzinho de lalau

Enquanto existir repente
Brotando dentro de mim 
Eu quero fazer meu verso 
Do começo ate o fim
É claro que eu confesso
Eu vou usar o meu verso
Pra criticar gente ruim

Enquanto existir repente
Mando pra qualquer pessoa
Falo de mar e maré
Litoral, praia e canoa
Meu verso sai num segundo
Falo de tudo no mundo
Também de pessoa boa

Enquanto existir repente
Por incrível que pareça
Vou botar ele pra fora
De dentro dessa cabeça
Que Deus me presenteou
E o meu repente chegou
Antes que a gente esqueça

Que a vida que a gente vive
Nesse nosso dia a dia
É de um poeta sublime
Tudo é da sua autoria
Deus fez e doou pra gente
Enquanto existir repente
A vida é uma poesia

(Lalauzinho de Lalau)

quinta-feira, 5 de janeiro de 2017

Deixe aqui seu comentário...

Meu verso é como Flechada
Em qualquer vocabulário
Sempre tem uma descoberta
Quando eu tiro do armário
 Cada verso fabricado
Você que vive antenado
Deixe aqui seu comentário

Você que gosta de versos
Da cultura popular
De prosa, verso e canção
E que gosta de recitar
Que gosta de poesia
Entre aqui em sintonia
Você pode comentar

(Lalauzinho de Lalau)